O CADE e a associação da Antarctica com a Anheuser Busch

José Heitor Attilio Gracioso

Resumo


Não se pode acreditar que o CADE, recriado dentro do espírito de um novo Brasil, voltado para um mundo liberal globalizado, venha a se transformar na última trincheira da xenofobia e do intervencionismo, papel assumido em passado recente, deliberadamente ou não, pelo extinto CIP. O mundo mudou e o Brasil está mudando. Ainda confiamos que o CADE encontre novos caminhos que, de resto, é o fulcro da própria política econômica do Governo Federal.

Palavras-chave


Publicidade; Cervejarias internacionais; Economia; Associação Antárctica Anheuser Busch; CADE - Conselho Administrativo de Defesa Econômica

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ESPM - Biblioteca Graduação - biblioteca-sp@espm.br - São Paulo - SP