Com o caixa à flor da pele

Luiz Sérgio Vieira

Resumo


"Na crise, o caixa não aceita desaforo, mas você tem de saber para onde está indo.” Esta combinação da visão de curto e longo prazos é uma das chaves para a retomada do crescimento pós-recessão, na leitura do CEO da Ernst & Young (EY) no Brasil, Luiz Sérgio Vieira. Para o principal executivo de uma das maiores
empresas de consultoria de negócios do mundo, os três anos de crise brasileira expuseram três tendências claras que marcaram a sobrevivência das empresas que melhor se saíram nos duros tempos de ajuste e retração econômica.


Palavras-chave


Crise econômica ; Economia ; Mercado financeiro

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ESPM - Biblioteca Graduação - biblioteca-sp@espm.br - São Paulo - SP