Fidelidade e programas de fidelidade: existe alguma diferença?

Paulo Roberto Salvador

Resumo


Os programas de milhagem, criados na década de 70, industrializaram o conceito de fidelidade. Passados 30 anos, ganhar milhas tornou-se tão banal e utilizá-las ficou tão difícil que o modelo não gera mais fidelidade mas sim insatisfação. Entretanto essas empresas possuem um enorme ativo: uma base de dados de 100 milhões de consumidores esperando algo mais do que um punhado de milhas.

Palavras-chave


Marketing; Turismo; Clientes - Fidelização

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ESPM - Biblioteca Graduação - biblioteca-sp@espm.br - São Paulo - SP